27 maio 2009

Eu Posso Ver Claramente Agora.

(link com Johnny Nash quebrou?)
Então ouça com Bob Marley


Eu posso ver claramente agora que a chuva passou,
eu posso ver todos os obstáculos em meu caminho...
Se foram todas as nuvens negras que me cegavam.
Vai ser um claro, claro, claro dia de sol brilhante!

Eu acho que eu consigo, agora que a dor se foi,
todos os sentimentos ruins desapareceram.
Aí está o Arco-Iris por qual eu tenho rezado...
Vai ser um claro, claro, claro dia de sol brilhante!

Olhe ao redor, não há nada mais que um céu azul
Olhe para frente, nada mais que um Céu azul

Eu posso ver claramente agora que a chuva passou,
eu posso ver todos os obstáculos em meu caminho...
Se foram todas as nuvens negras que me cegavam.
Vai ser um claro, claro, claro dia de sol brilhante!

vai ficar famoso(a), heim?!

Twitter pode virar programa de televisão.

(Postado por Das Übergeek - ubergeek@geek.com.br em 26/05/2009 15:58)

Programa sem roteiro ainda não tem data para ir ao ar.

Pode parecer uma notícia sem sentido, mas o site Variety anunciou ontem que o Twitter assinou um contrato para se tornar uma série de televisão. Estaria o Twitter finalmente encontrando uma forma de ganhar dinheiro?

De acordo com o site “TechCrunch”: a diretoria do site de micrblogging Twitter teria assinado um acordo televisivo com a Reveille and Brillstein Entertainment, para desenvolver programas de TV sem roteiro descritos como “colocando pessoas comuns na trilha de celebridades em um revolucionário e competitivo formato”. “Encontramos uma maneira de trazer o imediatismo do Twitter a vida na TV”, disse Jon Liebman, da Brillstein.

A Associated Press revela que os pequenos posts de usuários do mundo inteiro poderão aparecer no possível programa. “O Twitter está transformando a maneira com que as pessoas se comunicam, especialmente celebridades e seus fãs”, declarou Howard T. Owens, diretor de gerência da Reveille.

A grade de entretenimento da Reveille inclui “The Office” da NBC, “Betty, a Feia” da ABC e “Os Tudors” da Showtime, além de reality shows como "O Grande Perdedor" e “Gladiadores Americanos”, ambos da NBC.

Biz Stone, em nota publicada pelo site Mashable confirma a história, mas diz que não há um programa “oficial” do Twitter, uma vez que se trata de um contrato de não-exclusividade, deixando claro que outros projetos televisivos podem ser planejados.

Esse não é o primeiro serviço da internet que invade as mídias tradicionais. Em agosto do 2008, o site The Guardian noticiou que Aaron Sorkin, redator do seriado West Wing, estaria escrevendo um filme sobre a rede social Facebook.

Nenhum detalhe a respeito do programa e nem previsão de quando deverá entrar no ar foram divulgados por quaisquer partes envolvidas.

Fonte, Geek.

26 maio 2009

Estupidez americana parte II

Microsoft corta acesso ao MSN em países embargados pelos EUA.

(Postado por Das Übergeek - ubergeek@geek.com.br em 25/05/2009 19:57)

Cuba, Síria, Irã, Sudão e Coréia do Norte não podem mais usar o MSN.

A política americana parece ter chegado de vez à internet. Segundo nota publicada pelo site Digital Trends, a gigante Microsoft cortou o acesso de países que sofrem sanções americanas ao seu sistema de mensagens instantâneas, o Windows Live Messenger. Foram afetados Cuba, Síria, Irã, Sudão e Coréia do Norte.

Além de serem países embargados economicamente pelos Estados Unidos, os usuários de internet desses locais também não poderão mais se comunicar pelo Live Messenger, ou MSN, seu antigo nome. O Windows Live Messenger é um dos comunicadores mais utilizados da internet. Qualquer usuário desse país que tentar se conectar ao sistema recebe a seguinte mensagem:

“810003c1: Estamos impossibilitados de conetá-lo ao .NET Messenger Service. Razão: A Microsoft descontinuou o serviço de Mensagem Instantânea em certos países sujeitos à sanções dos Estados Unidos. Detalhes dessas sanções estão disponíveis no Escritório de Recursos Estrangeiros dos Estados Unidos.”

O blog All About Microsoft do site ZDnet entretanto, não sabe dizer o porquê de a empresa de Bill Gates ter cortado o acesso desses países ao MSN só agora, uma vez que os embargos já existem há anos. “Eu posso confirmar que o anúncio está correto” foi a única informação conseguida junto a um portavoz da empresa.

Entretanto, apesar da Microsoft e dos Estados Unidos, a internet ainda é um local livre. Para os que não podem mais se comunicar pelo MSN, é possível ainda utilizar o GTalk, mensageiro instantâneo da Google, o microblog Twitter e até antigos canais, como ICQ e IRC.

(Políticos fazem merda e o povo tem que engolir)


Fonte, Geek.

25 maio 2009

Justiça decide: esperma é propriedade da mulher.


“Usar esperma para engravidar sem autorização do homem não caracteriza roubo, porque uma vez ejaculado o esperma se torna propriedade da mulher.”

O entendimento é da Corte de Apelação de Chicago, nos EUA, no processo movido pelo médico Richard Phillips contra sua colega Sharon Irons, a quem acusa de traição calculada, ao final do relacionamento conjugal que mantiveram por seis anos.

Sharon teria armazenado e guardado o sêmen de Richard depois de fazer sexo oral e usado o esperma para engravidar.

Richard Phillips alega que só descobriu a existência de uma criança quando Sharon ingressou com ação exigindo pensão alimentícia.

Testes de DNA foram realizados e confirmaram a paternidade foi quando então, o médico processou Sharon por danos morais, furto e fraude.

Os juízes da Corte de Apelação (2ª Instância) descartaram as pretensões quanto à fraude e furto afirmando que a mulher não furtou o sêmen. O Colegiado levou em consideração o depoimento da médica. Ela afirmou que “quando Richard Phillips ejaculou em sua boca, ele cedeu e entregou de livre e espontânea vontade o seu esperma, e a deu de presente.

"Para o Tribunal, houve uma transferência absoluta e irrevogável de título de propriedade já que não houve acordo para que o esperma fosse devolvido”.


(Qual é a sua opinião à respeito? Pelo que me lembro este é o segundo caso)

Li Aqui.