05 dezembro 2007

Ministérios preocupaaaados, temos nós, né?

Visitando a Daniele, vi que ela, advogada que é, contestou veementemente uma reportagem divulgada pelo UOL sobre entrevista no "Programa do Jô". Curioso fui conferir e to aqui, concordando ipsis litteris com ela.





O Ministério Público Federal no Rio de Janeiro informou nesta segunda-feira que investiga o "Programa do Jô", exibido depois do "Jornal da Globo" pela TV Globo, por suposta manifestação de preconceito.

Segundo a procuradoria, houve denúncias sobre uma entrevista que abordava a questão de mulheres e fala sobre o clitóris em um país da África e que comentários do apresentador podem ter manifestado preconceito em relação a hábitos e costumes culturais daquele continente.

As entidades que levaram a denúncia ao MPF acusam o programa de desrespeito a comunidades negras.

A representação está sob os cuidados da procuradora dos direitos do cidadão Márcia Morgado.

O programa foi ao ar no dia 18 de junho de 2007, e trecho da entrevista está no
YouTube (acima) .

No programa, Jô Soares e o entrevistado Ruy Morais falam sobre costumes de algumas tribos de Angola, com o auxílio de fotos. Eles também comentam sobre penteados tradicionais e vida sexual e compararam alguns com a vagina. O apresentador tece comentários sobre a aparência das mulheres retratadas nas fotos.

A procuradoria não informou qual trecho da entrevista especificamente os denunciantes tomaram como ofensivo.

A assessoria de imprensa do programa informou que não recebeu nenhuma notificação sobre o procedimento do MPF.

5 comentários:

Carla disse...

Depois que li essa notícia há umas duas semanas, não li mais nada a respeito...
Será que o MP resolveu voltar atrás?
Anyway, em nosso país costuma-se dar importância àquilo que não tem e, o que realmente precisa, é feito letra morta.
Bjo, Tchongão.

Your Soul disse...

Concordo com a Carlinha, ficam procurando cabelo em ovo, mas os ovos cabeludos eles fingem que não vêem.
Beijos Lula

Ronald disse...

Dá em nada não, pobre é pobre e pronto! Não é assim que funciona?

Abraços

janaina de almeida disse...

Cada um tem os seus costumes e sua linguagem sexual, não é mesmo?Também estão procurando pêlo em ovo...
Um abraço.

dº-ºb disse...

É o que dá banalizar assuntos delicados como esse. Capaz que o Jô iria perder a oportunidade de fazer palhaçada.

Olá, Lula. Eu voltei.

Dono do Bar.