08 março 2007

Eu também não gosto, mas...

Meu Deus!! É um tremendo exercício de memória lembrar de beijos dados ou não, ao longo de minha longa vida! Mesmo porque sempre fui na boa, os que tentei, dei. Como alguns sempre nos marcam de alguma forma mais profunda, lá vai.
[Tarefa dada deve ser cumprida (Né,
Carol? GRRRRR). Vou tentar, então, resumindo].


1 – Eu tinha oito ou nove anos (essa eu JAMAIS vou esquecer), papai e mamãe tiveram um breve desentendimento e me enviaram pro sítio de meus padrinhos até solução do problema doméstico. Lá, entre hortas e vacas, eu me perdia em brincadeiras infantis. Achara um termômetro inteiro e me divertia mergulhando-o (pra ver o mercúrio mover-se) naqueles tonéis de ferro que reservavam água para irrigação quando, escapando de minha mão, foi ao fundo. O que fazer? Não tive muita dúvida, apesar de ser praticamente da altura do tonel, tirei toda minha roupa, escalei o dito e mergulhei apalpando até achar o termômetro. Retornei e aguardava que me secasse para vestir a roupa novamente quando a empregada de minha madrinha veio me chamar para o almoço. Ela devia ter uns quatorze anos. Ao me ver naquele estado ameaçou de contar tudo pros meus padrinhos. (Comecei aí a aprender a artimanha feminina). Enfim, foi minha iniciação sexual, até com beijo na boca. Vale?

2 – Eu devia ter uns 18. Ela era amiga de minha irmã do meio. Bárbara, esse o nome. Loirinha muito da gostosinha, diga-se. Eu trabalhava próximo de minha casa e ia almoçar lá. Um dia, ao chegar, eu a vi sentada só, na sala, aguardando que minha irmã se trocasse para saírem. Arqueei sobrancelhas em cumprimento (Sempre fiz isso. Hábito). Almocei, troquei um papo com minha mãe, escovei os dentes e ao sair vi-a ainda só, lendo. Não tive dúvida, voltei da porta e lhe roubei um beijo, sem trocar palavra. Ficou nisso apenas. Sempre que nos encontrávamos, trocávamos olhar cúmplice. Vale?

3 – 26 anos. (Eu havia parado de beber, fumar e etc. Caretão que só). Ela namorava um de meus amigos. Sempre que estávamos juntos, nas baladas, sentia que ela me olhava de modo diferente. Casa lotada, todos já meio altos (exceto eu) e ela me chama pra dançar, olho pro meu amigo pedindo aprovação, acho que recebo e vou. Lá no meio, em meio à “...You Are My Special Angel” do Lettermen (Quer clima melhor?), aconteceu. (Algum tempo depois da separação deles, contei ao amigo). Vale?

Esperando ter atendido tão gentil convite...

Sacan...digo, convoco
Peixe, Cacá, Cinderella, Fabiana, 'madeo pra seqüência (Paz e amor).
UP DATE: Aos que me elogiaram por ter parado de fumar, beber e etc. aos 26 anos, informo que voltei ao cigarro e a cervejinha aos 31. Bichinho burrinho, né?

9 comentários:

Carla disse...

Taí, gostei. Eu tô enrolando um pouco, porque ainda não consegui lembrar (acredite ou não) dos "quase beijos". Mas tô me esforçando. Bjus.

Cacá BH disse...

hehehhehee
jah estou preparando meu texto...
e vc eh o segundo que me convida a participar.. homaiada curiosa.. ehehhee
mas adorei suas histórias de beijosssssss...
inté mais

'Madeo disse...

Convite seu se torna ORDEM.

Vou preparar pro começo da semana.

Abração. Sem ódio.

Cinderella disse...

Poxa, com 26 anos vc parou de beber e de fumar??
Se for assim, tenho mais 6 anos de badalação pela frente!

=)

Escrevi o que vc me pediu, Lulinha...
;***

Fabi disse...

Tarefa cumprida, amore!
Vai lá ver... hehehe
Não sabia falar sobre 'não beijo', falei do meu jeito, tá?
Beijão procê!!

Dono do Bar disse...

Beijo? Meus primeiros beijos demoraaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaram...

Também, depois que iniciei não parei mais. Meu apelido aqui é bocão..hehehe...brincadeira...

Abraços.

DB.

Carol disse...

Eram 5. Faltam 2. Coloca aí uns beijos da Carla. ;-)
Bjs - sem entrar pra lista!

junior disse...

Ahahahaha Escapei dessa heim?
Nunca perdi um bom beijo, se é que entendi a brincadeira, sabes que não sou muito bom em brincar. rssss
Meu, você viu o Inácio? Filho do Galinho, legal né?
Abração amigão, vou tentar aparecer mais por aqui.

Clau disse...

Depois da bronca, resolvi aparecer por aqui!
Não eram 5? Eu também fiquei com preguiça e até agora só escrevi dois.
Me comprometo a aparecer mais vezes por aqui, ok?