28 dezembro 2007

UM FELIZ E MARAVILHOSO ANO DE 2008.

"Ano novo, projetos novos!" Recentemente um conhecido decidiu: "Vou mudar, quero sair daqui, quero ir para uma casa nova, para outro ambiente". Seu objetivo era encontrar uma moradia bonita, espaçosa, que atendesse suas necessidades. E ele a encontrou. Mas antes de mudar era necessário combinar e acertar alguns detalhes com o proprietário da casa: as paredes precisavam ser pintadas, o piso deveria ser lixado e uma janela precisava ser aberta na parte superior para permitir a entrada de mais luz.

Qualquer que seja a nossa situação, no fundo somos todos iguais nesse sentido. Poucos de nós se satisfazem em ter apenas "um teto sobre a cabeça". Até os nossos obreiros no interior da Bolívia, onde quase não se pode falar em "morar bem", procuram fazer o melhor com os materiais de construção que têm à disposição.

Mas como está a habitação da qual nosso Senhor Jesus disse: "...viremos para ele e faremos nele morada" (Jo 14.23)? Parece que muitas vezes isso pouco nos preocupa. Porém, ser cristão significa levar a sério a nossa responsabilidade como donos da casa onde o Senhor quer morar. No momento em que entregamos nossa vida ao Senhor Jesus, Ele recebeu a chave do nosso coração, que é a morada onde Ele quer entrar. Mas o problema é que Ele não pode entrar quando ali ainda há áreas escuras, cantos onde vivem moradores clandestinos. Possivelmente nenhuma outra pessoa saiba disso. Olhando de fora, a moradia parece estar intacta. A fachada cristã está em ordem. Mas o Senhor entrou de fato?

Está mais do que na hora de despejar os antigos moradores do nosso coração e permitir que se faça uma limpeza da nossa casa interior. Também a janela na parte superior não deve faltar. Deveríamos permitir a entrada de luz do alto. Imagine o que significa nosso Senhor chegando, parando diante da porta do nosso coração e dizendo: "Quero entrar agora!" E Ele não vem sozinho, pois disse: "Meu Pai o amará, e viremos para ele e faremos nele morada." Na mesma passagem Ele também fala do Seu Espírito: "O Espírito da verdade... habita convosco e estará em vós" (v. 17). Nosso Senhor em pessoa, a plenitude da Divindade, quer entrar em nós! São palavras muito sérias as que o apóstolo Paulo disse aos coríntios, mas também a nós, através da sua epístola: "Não sabeis que sois santuário de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós? Se alguém destruir o santuário de Deus, Deus o destruirá; porque o santuário de Deus, que sois vós, é sagrado" (1 Co 3.16-17). Nossa responsabilidade em relação ao nosso coração, que nos foi transmitida quando decidimos tornar-nos cristãos, é muito maior do que a de uma pessoa que ainda está longe de Deus. Aquele que entregou a chave do seu coração a Deus, que se decidiu por Jesus Cristo, é responsável pelo estado do próprio coração, para que Jesus possa de fato habitar ali. Como está a situação do nosso coração? Ainda existe sujeira escondida, ainda guardamos pensamentos obscuros? Está mais do que na hora de colocar em ordem nosso coração diante de Deus! Vamos fazer um novo começo neste novo ano!




27 dezembro 2007

Alguém disse:

"Metade do mundo morre de fome, enquanto a outra metade morre de obesidade."

A questão é:

Eliminamos o monstro ou o convidamos para comer?

Já encheu o saco de ouvir? Mas é a mais pura verdade.

17 dezembro 2007

Vicia aí, meu!!

É o mesmo jeitão do Pacman. Só mover as setas.

Clique na imagem e manda ver.

(Se foi assim, não sei. Mas que é genial, isso é!)

Alemanha
Inicio do século 20


"Durante uma conferência com vários universitários, um professor da Universidade de Berlim desafiou seus alunos com esta pergunta:

- Deus criou tudo o que existe?

Um aluno respondeu valentemente:
- Sim, Ele criou…

- Deus criou tudo? Repete o professor.

- Sim senhor, respondeu o jovem.

O professor pergunta: -
- Se Deus criou tudo, então Deus fez o mal? Pois o mal existe, e partindo do preceito de que nossas obras são um reflexo de nós mesmos, então Deus é mau?

O jovem fica calado diante de tal afirmativa e o professor, feliz, se regozija de ter provado que a fé era um mito.

Outro estudante levantou a mão e disse:
- Posso fazer uma pergunta, professor?
- Lógico, foi a resposta do professor.

O jovem ficou de pé e perguntou:
- Professor, o frio existe?

- Que pergunta é essa? Lógico que existe, ou por acaso você nunca sentiu frio? Responde o professor.

O rapaz respondeu: -
De fato, senhor, o frio não existe. Segundo as leis da Física, o que consideramos frio, na realidade é a ausência de calor. Todo corpo ou objeto é suscetível de estudo quando possui ou transmite energia, o calor é o que faz com que este corpo tenha ou transmita energia. O zero absoluto é a ausência total e absoluta de calor, todos os corpos ficam inertes, incapazes de reagir, mas o frio não existe. Nós criamos essa definição para descrever como nos sentimos se não temos calor.

- E, existe a escuridão? Continuou o estudante.

- Existe, responde o professor.

O estudante continuou:
- Novamente comete um erro, senhor; a escuridão também não existe. A escuridão, na realidade, é a ausência de luz. A luz pode-se estudar, a escuridão não. Até existe o prisma de Nichols, para decompor a luz branca nas várias cores de que está composta, com suas diferentes longitudes de ondas. A escuridão não!
Um simples raio de luz atravessa as trevas e ilumina a superfície onde termina o raio de luz. Como pode saber quão escuro está um espaço determinado? Com base na quantidade de luz presente nesse espaço, não é assim? Escuridão é uma definição que o homem desenvolveu para descrever o que acontece quando não há luz presente

Finalmente, o jovem perguntou ao professor:
- Senhor, o mal existe?

O professor respondeu:
- Claro que sim, lógico que existe, como disse desde o começo, vemos estupros, crimes e violência no mundo todo, essas coisas são do mal.

E o estudante diz:
- O mal não existe, senhor, pelo menos não existe por si mesmo. O mal é simplesmente a ausência do bem, é o mesmo dos casos anteriores, o mal é uma definição que o homem criou para descrever a ausência de Deus.
Deus não criou o mal.
Não é como a fé ou como o amor, que existem como existem o calor e a luz.
O mal é o resultado da humanidade não ter Deus presente em seus corações.
É como acontece com o frio quando não há calor, ou a escuridão quando não há luz."


No início dos anos 1900, este jovem foi aplaudido de pé, e o professor apenas balançou a cabeça, permanecendo calado…

Imediatamente o diretor dirigiu-se àquele jovem e perguntou qual era seu nome.

E ele respondeu:


- ALBERT EINSTEIN.



Por email, da Lucila do Bazar.

16 dezembro 2007

100 anos, fazendo arte.

Oscar Ribeiro de Almeida de Niemeyer Soares (Rio de Janeiro, 15 de dezembro de 1907) é um arquiteto brasileiro considerado um dos nomes mais influentes na Arquitetura Moderna internacional. Foi pioneiro na exploração das possibilidades construtivas e plásticas do concreto armado.

Nascido na então capital do Brasil numa rua que mais tarde receberia o nome de seu avô Ribeiro de Almeida, ministro do Supremo Tribunal Federal, passou sua juventude como um jovem carioca típico da época: boêmio, sem a menor preocupação com os rumos de sua vida. Concluiu o ensino secundário aos 21 anos, mesma idade com que casa com Annita Baldo, filha de imigrantes italianos, da provícia de Pádua, com quem teve somente uma filha, Anna Maria Niemeyer.
Niemeyer tem cinco netos, treze bisnetos e quatro trinetos.

Após o casamento sente o peso da responsabilidade que havia assumido para si e decide trabalhar e continuar seus estudos. Começa a trabalhar na oficina tipográfica do pai e entra para a Escola Nacional de Belas Artes, de onde sai formado como engenheiro arquiteto em 1934. Na época passava por dificuldades financeiras, mas mesmo assim decidiu trabalhar sem remuneração no escritório de Lucio Costa e Carlos Leão. Ele se sentia insatisfeito com a arquitetura que via na rua e acreditava poder encontrar respostas a suas dúvidas de estudante com eles.

Em 1945, já um arquiteto com algum nome, filia-se ao PCB. Sempre foi um forte defensor de sua posição como stalinista. Durante alguns anos da ditadura militar do Brasil auto-exilou-se na França. Um ministro da Aeronáutica da época diria que "lugar de arquiteto comunista é em Moscou". Visitou a União Soviética, teve encontros com diversos líderes socialistas e foi amigo pessoal de alguns deles. Fidel Castro teria dito a respeito dele: "Niemeyer e eu somos os últimos comunistas deste planeta".


Fonte: Wikipédia.

14 dezembro 2007

Quando tem que ser...é!

No mês de Agosto de 2001, Moshê (nome científico), um bem sucedido empresário Judeu, viajou para Israel a negócios.
Na quinta feira, dia nove, entre uma reunião e outra, o empresário aproveitou para ir fazer um lanche rápido em uma pizzaria na esquina das ruas Yafo e Mêlech George, no centro de Jerusalém.
O estabelecimento estava superlotado.
Logo ao entrar na pizzaria,Moshê percebeu que teria que esperar muito tempo numa enorme fila, se realmente desejasse comer alguma coisa - mas ele não dispunha de tanto tempo.
Indeciso e impaciente, pôs-se a ziguezaguear por perto do balcão de pedidos, esperando que alguma solução caísse do céu.
Percebendo a angústia do estrangeiro, um israelense perguntou-lhe se ele aceitaria entrar na fila na sua frente.

Mais do que agradecido, Moshê aceitou. Fez seu pedido, comeu rapidamente e saiu em direção à sua próxima reunião.
Menos de dois minutos após ter saído, ele ouviu um estrondo aterrorizador.
Assustado, perguntou a um rapaz que vinha pelo mesmo caminho que ele acabara de percorrer o que acontecera.
O jovem disse que um homem-bomba acabara de detonar uma bomba na pizzaria Sbarro`s.
Moshê ficou branco.
Por apenas dois minutos ele escapara do atentado.
Imediatamente lembrou do homem israelense que lhe oferecera o lugar na fila.
Certamente ele ainda estava na pizzaria.
Aquele sujeito salvara a sua vida e agora poderia estar morto.
Aterrorizado, correu para o local do atentado para verificar se aquele homem necessitava de ajuda, mas encontrou uma situação caótica no local.
A Jihad Islâmica enchera a bomba do suicida com milhares de pregos para aumentar seu poder destrutivo.
Além do terrorista, de vinte e três anos, outras dezoito pessoas morreram, entre elas, seis crianças.
Cerca de outras noventa pessoas ficaram feridas, algumas em condições críticas.
As cadeiras do restaurante estavam espalhadas pela calçada.
Pessoas gritavam e acotovelavam-se na rua, algumas em pânico, outras tentando ajudar de alguma forma.
Muitos feridos e mortos estendidos pelo chão, vítimas ensangüentadas eram socorridas por policiais e voluntários.
Uma mulher com um bebê coberto de sangue implorava por ajuda.
Um dispositivo adicional já estava sendo desmontado pelo exército.
Moshê procurou seu "salvador" entre as vítimas sem fim, mas não conseguiu encontrá-lo.
Ele decidiu que tentaria de todas as formas saber o que acontecera com o israelense que lhe salvara a vida.
Moshê estava vivo por causa dele.
Precisava saber o que acontecera, se ele precisava de alguma ajuda e, acima de tudo, agradecer-lhe por sua vida.
O senso de gratidão fez com que esquecesse da importante reunião que o aguardava. Ele começou a percorrer os hospitais da região, para onde tinham sido levados os feridos no atentado.
Finalmente encontrou o israelense num leito de um dos hospitais.
Ele estava ferido, mas não corria risco de vida.
Moshê conversou com o filho daquele homem, que já estava acompanhando o pai e contou tudo o que acontecera.
Disse que faria tudo que fosse preciso por ele. Que estava extremamente grato àquele homem e que lhe devia sua vida.
Após algum tempo, Moshê se despediu do rapaz, deixando seu cartão com ele. Caso seu pai necessitasse de qualquer tipo de ajuda, o jovem não deveria hesitar em comunicá-lo.
Quase um mês depois, Moshê recebeu um telefonema em seu escritório em Nova Iorque, daquele rapaz, contando que seu pai precisava de uma operação de emergência em Boston, Massachussets.
Moshê não hesitou. Arrumou tudo para que a cirurgia fosse realizada dentro de poucos dias.
Além disso, fez questão de ir pessoalmente receber e acompanhar seu amigo em Boston, que fica a uma hora de avião de Nova Iorque.
Talvez outra pessoa não tivesse feito tantos esforços apenas pelo senso de gratidão.
Outra pessoa poderia ter dito "Afinal, ele não teve intenção de salvar a minha vida: apenas me ofereceu um lugar na fila "
Mas não Moshê.
Ele se sentia profundamente grato, mesmo um mês após o atentado.
E ele sabia como retribuir um favor.
Naquela manhã de terça-feira, Moshê foi pessoalmente acompanhar seu amigo e deixou de ir trabalhar.
Sendo assim, pouco antes das nove horas da manhã, naquele dia onze de setembro de 2001, Moshê não estava no seu escritório no 101º andar do World Trade Center (TwinTowers).



(Relatado em palestra do Rabino Issocher Frand)
"Entrai pelas portas dele com gratidão, e em seus átrios com louvor; louvai-o e bendizei o seu nome."Salmos 100:4

Lê baixinho:
"Jesus eu te adoro e preciso de ti, vem pra dentro do meu coração agora".



Por email, da Camilla.

As mil e uma faces de Hillary Clinton.

Dê-se razão para o Bill, agora. Tendo que escolher entre o sorriso 'apetitoso' da Mônica e as caras de Hilária.

Clique na foto e veja o porquê.



By Omedi.

Falem bem ou mal...

Prum bom entendedor, mudez é discurso.



Vi no Rodolfo.


13 dezembro 2007

Fotos.

Série: "Eu não bebi, seu guarda! Juro!"




_____XXXXX_____

Série: "Torcida Organizada."
'A segundona é looooonge, mas hei de ver os jogos do meu timão.'

'Mamãe levando filhinhos palmeirenses pro estádio.'


_____XXXXX_____


Série: "Engenheiros?...Bah!"


_____XXXXX_____


Série: "Treinamento de atleta brasileiro prás Olimpiadas de Pequim."


_____XXXXX_____



Série: "Negócio lucrativo."



_____XXXXX_____


Série: "Kama Sutra animaaaal."



_____XXXXX_____


Série: "Jeitinho Brasileiro."




_____XXXXX_____


Série: "Tanta meiguice." ou, "Vai encarar?"




_____XXXXX_____

Série: "Vem de berço." ou, "repartindo irmãmente."


12 dezembro 2007

Não é?

"Não basta que todos sejam iguais perante a lei.

É preciso que a lei seja igual perante todos."


(Salvador Allende)



Vi no Leonardo.

É só piada, heim!!

Paulistas X Cariocas.

O paulista foi ao Rio de Janeiro, mas não tinha mais vagas nos hotéis, então se hospedou numa pensão.

Como na pensão o banheiro era comunitário, ele resolveu comprar um penico.

Foi num pequeno armazém, e pediu um penico. O balconista, percebendo que ele era paulista, disse: -

- Penico??? ahh… aqui no Rio nós chamamos isso de paulista…

E o paulista:

- Pois me vê aí um paulista… Mas que caiba pelo menos 1 kilo de carioca…

Vi lá no Stanislaw.

10 dezembro 2007

Bons dias...semanas...meses...anos...vida...

Ofereço esse vídeo pro meu amigão Junior, que tanto luta pela despocotização dos povo brasileiru...é nóis junião, oremus tugueder.


Vi aqui.

06 dezembro 2007

Hilário.

CONSELHOS DE UMA SEXÓLOGA.
01 - Tenho 20 anos e não transei ainda porque gostaria que a 1ª vez fosse com um namorado fixo. O que você acha?
R: Minha 1ª vez também foi com um namorado fixo. Eu o amarrei na cama.

02 - O que fazer para surpreender um namorado tímido na primeira noite?
R: Apareça com um amante.

03 - Tenho um amigo que quer fazer sexo comigo, mas ele tem um pênis de 24cm. Acho que vai ser doloroso, o que faço?
R: Manda pra cá que eu testo pra você.

04 - Como faço para seduzir o rapaz que eu amo?
R: Tire a roupa! Se ele não te agarrar, cai fora que é gay.

05 - Terminei com meu ex porque ele é muito galinha e agora estou com outro. Mas ainda gosto do ex e às vezes ainda fico com ele! O que devo fazer?
R: Quem é mesmo galinha nesta história?

06 - Quero saber como enlouquecer meu namorado só nas preliminares.
R: Diga no ouvidinho dele: "minha menstruação está atrasada..."

07 - Como usar a criatividade em uma transa no banheiro?
R: Já usou desentupidor de pia?

08 - Saí com um gatinho e foi ótimo. Só que agora fico com o maior medo de ligar para ele. Será que devo?
R: Depende. O gatinho sabe cagar na caixa de areia?

09 - Sou feia, pobre e chata. O que devo fazer para alguém gostar de mim?
R: Ficar bonita, rica e ser legal. Obviamente.

10 - O cara com quem estou saindo é muito legal, mas está dando sinais de ser alcoólatra. O que eu faço?
R: Não deixe ele dirigir.

11 - Por que, na hora do sexo, quando a gente está no vai e vem, na hora em que o corpo entra em atrito e faz aquele barulho de quem está batendo palmas, a gente fica mais excitado?
R: É porque parece que tem torcida, tá ligado? Da próxima vez grite pra galera.

12 - Apesar do meu tamanho, eu tenho apenas 13 anos de idade e não tenho uma cara propriamente linda. O que fazer para conseguir comer umas gatas.
R: Nesta idade você tem que comer Sucrilhos, entende?

13 - Tenho 28 anos e sou virgem, não agüento mais esta situação. Como mudá-la o mais rápido possível?
R: Está em Porto Alegre? Vai na Voluntários da Pátria (rua de prostitutas) e leve uns 30 reais. Caso contrário trate de virar líder da LOC ou do MST.

14 - Sou virgem e rolou, pela primeira vez de fazer sexo oral. Terminei engolindo o negócio e quero saber se corro o risco de ficar grávida. Estou desesperada!
R: Claro que corre o risco de ficar grávida. E a criança vai sair pelo seu ouvido.

15 - A primeira vez dói? Tenho 21 anos e ainda não transei porque tenho medo de doer e não agüentar.
R: Dói tanto que você vai ficar em coma e NUNCA mais vai levantar. Vê se deixa de ser fresca, e dá de uma vez, ô Cinderela!!!

16- Posso tomar anticoncepcional com diarréia?
R: Eu tomo com água, mas a opção é sua. Espero que use copo descartável.



Li no Ronald.

Eu também faço parte da Tropa, agora.

Ela me ofereceu este selo dizendo que meu blééérg, digo, blog é de elite. Considerando-se que ela é enormemente suspeita pois provavelmente me ama de paixão, finjo que acredito e aceito, já que presentes não se recusam.

Dai, parafraseando o digníssimo capitão, eu digo: 01, eu também te amo e aceito o maravilhoso presente, prometendo dar continuidade na brincadeira.

Regras:
  1. Postar um comentário sobre a indicação, de para quem, no blog do criador, ou seja, no Putsgrilo.
  2. Mencionar 5 blogs que você considera de Elite.

Os meeeeeeus...são:

(todos aí do lado)

Brincadeira. Já que tem que ser, que seja:

Maristela. Me faz recordar, com alegria.
Rachel. Seu amor pelos seus me cativa.
Daniele. É advogada, mas é gente ótima. Como poucos, ela, realmente, quer fazer justiça.
Ronald. Sempre preocupado com tudo e todos, com opiniões marcantes.
JR. Minha visita diária obrigatória. Quero sempre saber "quem ele vai malhar hoje".


Concordo.

Os "MACHOS" revidam...Impotência?

Marco Antonio M. Carvalho (*)

"Segundo Alvin Toffler, pesquisador, o nosso mundo passou por três ondas de mudanças.

A primeira: A da Agricultura, onde por mais de 6.000 anos a mulher ficou presa ao seu lar promovendo a alimentação dos filhos - através das plantações próximas a sua casa - e também a educação, enquanto os homens seguiam para as infindáveis batalhas, conquistas etc.
A segunda, foi a era da Industrialização (século XVII), época em que as mulheres começaram a sair às ruas e, junto às empresas, ocuparem os espaços que anteriormente só os homens detinham. Isto incomodou bastante; tanto, que um movimento realizado por elas, para reivindicar seus direitos, foi reprimido brutalmente em um fatídico dia 8 de março, que se tornou o "Dia Internacional da Luta da Mulher pelos seus Direitos".

A terceira, a da Informática; o sexo feminino ampliou a sua luta, ascendendo financeiramente e socialmente, se mantendo na maioria das vezes numa postura independente, promovendo assim uma liberdade que foi julgada por alguns, contundente. Isto, para a maioria dos homens inseguros, geralmente promove a inveja, o ciúme, o incômodo. Nos crimes passionais, onde quase sempre a mulher é a vítima, podemos perceber estes sentimentos.

Foram, os "machos", erroneamente educados para "vencer" sempre e, ao perceber que estão "perdendo", se tornam, na maioria das vezes, impotentes em todos os sentidos (até mesmo sexualmente), daí a agressão. Principalmente, quando são abandonados.

Não adiantam leis mais severas. A educação é que nos falta, desde a infância, seja em casa principalmente, nas escolas e demais instituições.

A nova ordem é mostrar a todos a igualdade de direitos. Um não à discriminação, um sim ao AMOR. Pois a quarta onda de mudanças, segundo o Congresso Mundial de Recursos Humanos, realizado em Washington, concluiu que estamos necessitados de vivenciar a era do AMOR e da Espiritualidade."



(*) Médico, sexólogo e terapeuta de comportamentos.


Li hoje, aqui.

05 dezembro 2007

Ministérios preocupaaaados, temos nós, né?

Visitando a Daniele, vi que ela, advogada que é, contestou veementemente uma reportagem divulgada pelo UOL sobre entrevista no "Programa do Jô". Curioso fui conferir e to aqui, concordando ipsis litteris com ela.





O Ministério Público Federal no Rio de Janeiro informou nesta segunda-feira que investiga o "Programa do Jô", exibido depois do "Jornal da Globo" pela TV Globo, por suposta manifestação de preconceito.

Segundo a procuradoria, houve denúncias sobre uma entrevista que abordava a questão de mulheres e fala sobre o clitóris em um país da África e que comentários do apresentador podem ter manifestado preconceito em relação a hábitos e costumes culturais daquele continente.

As entidades que levaram a denúncia ao MPF acusam o programa de desrespeito a comunidades negras.

A representação está sob os cuidados da procuradora dos direitos do cidadão Márcia Morgado.

O programa foi ao ar no dia 18 de junho de 2007, e trecho da entrevista está no
YouTube (acima) .

No programa, Jô Soares e o entrevistado Ruy Morais falam sobre costumes de algumas tribos de Angola, com o auxílio de fotos. Eles também comentam sobre penteados tradicionais e vida sexual e compararam alguns com a vagina. O apresentador tece comentários sobre a aparência das mulheres retratadas nas fotos.

A procuradoria não informou qual trecho da entrevista especificamente os denunciantes tomaram como ofensivo.

A assessoria de imprensa do programa informou que não recebeu nenhuma notificação sobre o procedimento do MPF.

03 dezembro 2007

Ás vezes, acontece.

Um dia um homem, cansado da vida de casado, disse que ia na esquina comprar cigarros e desapareceu.

Ficou dez anos sumido.

De repente, reapareceu. Bateu na porta, a esposa abriu, e lá estava ele. Dez anos mais velho, quieto, sem dizer uma palavra.
A mulher despejou sua revolta em cima dele:

- Seu isso! Seu aquilo! Então você diz que vai na esquina comprar cigarro e desaparece? Me abandona, abandona as crianças, fica dez anos sem dar notícia, me faz criar as crianças sozinha e ainda tem o desplante, a cara de pau, o acinte, a coragem de reaparecer deste jeito? Pois você vai me pagar. Fique sabendo que você vai ouvir poucas e boas. Essa eu não vou lhe perdoar nunca. Está ouvindo? Nunca! Entre, mas prepare-se para...

Nisso, o homem, dando um tapa na testa, disse:
- Putz! Esqueci os fósforos! Já volto !



By Leonardo.

Sim! Se pode!

video



Por email, da Marília.

30 novembro 2007

Dá-lhe Joãozinho.

E chega a nova professora, logo se apresentando:
- Sou D. Valgina, meu nome é diferente, mas não quero saber de brincadeirinhas…Tem um “L” no meio…
Já acostumada com seu nome, deixou os burburinhos na sala de aula e foi logo dando matéria.
Joãozinho, prá variar, chegou atrasado…
Quase ao final da aula, a professora chama os alunos prá conferir:
- E então, pessoal, qual mesmo meu nome ??
E indica o Joãozinho para responder…Ele, sem jeito, indaga aos colegas ao lado, que indicam com aquele sinal, todo especial e sussurram -“tem um L no meio”…
Joãozinho não teve dúvidas:
- Dona Bucleta!!!

10 novembro 2007

E Deus criou o homem...

...e o homem criou a destruição.
(Clique na foto)


Mas Deus, também, criou a mulher...


...e o homem se ferrou.

08 novembro 2007

Ó dor...

Certo dia, o presidente do Palmeiras pede uma reunião com Deus, e quando é recebido lhe pergunta:

- Senhor, eu gostaria de saber se o meu time será campeão do mundo?

- Sim, meu filho! Mas não na sua gestão!

No outro dia, o presidente do Flamengo pede uma reunião com Deus.

- Senhor, eu gostaria de saber se o meu time será campeão do mundo?

- Sim, meu filho! Mas não na sua gestão!

O presidente do Corinthians pede uma reunião com Deus:

- Senhor, eu gostaria de saber se o meu time será campeão do mundo?

- Sim, meu filho! Mas não na minha gestão!



Copiei do miserável do Stan.

04 novembro 2007

Arre, loiras!! Essa é a favor.

Uma loira e um professor universitário estão sentados lado a lado num avião. Como a viagem é longa, o professor pergunta-lhe se não quer jogar um jogo divertido para ajudar a passar o tempo. A loira responde que não, que vai aproveitar para dormir uma sesta. Dito isto reclina-se no banco e fecha os olhos.

O professor insiste: - Mas é um jogo muito engraçado! Eu explico. Eu faço-lhe uma pergunta e, se não me souber responder, dá-me 5 dólares e vice-versa. A loira volta a recusar. O homem começa a exasperar-se. Então e se for assim: - Se não souber a resposta dá-me 5 dólares mas se for eu a falhar dou-lhe 500. O que me diz a isto?
Esta proposta, sabe-se lá porquê, pareceu chamar a atenção da loira que aceitou, ainda que com alguma relutância.

Pergunta do prof.: - Qual a distância da terra à lua? Sem dizer uma palavra e sem perder tempo, a loira abre a carteira e tira uma nota de 5 dólares que estende ao professor. Em seguida, faz a sua pergunta: - O que é que sobe uma montanha com três pernas e desce com quatro?

O professor ficou mudo por um instante. Em seguida, pega o laptop, liga-se à internet e começa a pesquisar, ao mesmo tempo que manda um e-mail aos seus colaboradores pedindo ajuda. Faz também alguns telefonemas. Entretanto a loira adormeceu.


Após quase uma hora de sofrimento e desespero, sem conseguir obter resposta, acorda a loira e dá-lhe os 500 dólares. Ela aceita e volta a adormecer. Furioso, o professor acorda-a novamente e grita: - Espere lá! Isto não fica assim... Qual é a resposta?
Com um ar ensonado, sem dizer uma palavra, a loira abre a carteira e tira de lá outra nota de 5 dólares, dando-a ao professor.
Inclinou-se na cadeira e tornou a adormecer.




By Obvius.

24 outubro 2007

Só para pererécas assanhadas.

Lançado recentemente o Vulva Original, uma essência de genitália feminina. O fabricante não classifica seu produto como sendo um perfume e sim uma essência composta de fluídos orgânicos, embora o fabricante negue maiores informações sobre o processo de composição do produto tão polêmico.


Image Hosted by ImageShack.us




Via Stanislaw.


Samba é pra quem sabe.

A cantora Marie Osmond, 48 anos, participante do "Dancing With The Stars", a Dança dos Famosos americana, desmaiou ao vivo no palco do programa. Ela foi a primeira participante a se apresentar na edição desta segunda-feira da competição.

A cantora passou mal enquanto ouvia os comentários dos jurados após dançar uma coreografia de samba.

Após se recuperar, a cantora voltou ao palco para ouvir os últimos comentários dos jurados e falou sobre o desmaio: "De vez em quando isso acontece comigo. Quando eu fico assim paro de respirar".




Aqui.

22 outubro 2007

" Responde ou PEDE PRA SAIR, MOLEQUE!"

Tá bom, pô! A gente fica rodando poraí e encontra Tropa de Elite pra todo canto. Hoje fui lá na Cacá e vi um teste 'elaborado' pelo Capitão Nascimento, que ela pegou lá na Daniele. Fiz o dito e resultou nisso aí embaixo, o que não tem quase nada a ver comigo, com exceção à comer a gostosa do filme, claro.





__O__

Clique na imagem acima e faça o teste, OU...

Image Hosted by ImageShack.us

VOCÊ VAI APANHAR, MO-LE-QUE!
__O__


E, pra complementar, uma piadinha que peguei lá na Daniele. Adorei.


Um dia quiseram ver quem era o melhor: MacGyver, Jack Bauer ou o Cap. Nascimento. Chegaram pro MacGyver e falaram: “A gente soltou um coelho nessa floresta. Encontre-o mais rápido que os outros e você será considerado o melhor!”
MacGyver pegou uma moeda de 5 centavos no chão, um graveto e uma pedra e entrou na floresta. Demorou 2 dias pra construir um detector de coelhos em floresta e voltou no terceiro dia com o coelho.

Daí chegaram pro Jack Bauer e falaram a mesma coisa. Ele entrou correndo na floresta, e 24 horas depois apareceu com o coelho. Durante a operação, desarmou 5 bombas nucleares, recuperou 10 armas químicas, escapou de um navio cargueiro e foi pra China matar 100 terroristas.

Pediram então para o Cap. Nascimento ir buscar o coelho. Se ele demorasse menos de 24 horas, seria o melhor. E ele respondeu:

— Tá de sacanagem comigo, 05? Cê tá de sacanagem comigo? Você acha que eu tenho um dia inteiro a perder com essa porra de coelho, 05? Tu é um mo-le-que! MO-LE-QUE, 05!!!

Virou-se para a floresta e gritou:

— Pede pra sair! Pede pra sair, cambada!

Em menos de cinco segundos, já tinham saído da floresta 300 coelhos, 20 jaguatiricas, 50 jacarés, Robin Hood, 1000 paca-tatu-cotia-não, o Shrek e uma preguiça correndo a 40 km por hora!

Dai ele gritou:

— 02, tem gente com medinho de sair da floresta, 02! Tem gente com medinho de sair da floresta, 02!!! 07, traz a “ponto 30”.

Imediatamente o Bin Laden saiu da floresta. Chorando.