29 agosto 2006

Loirasssss.

A loira bateu o carro de frente, num cruzamento; um guarda que estava próximo, com o intuito de ajudar, se aproximou e a loira foi logo xingando, como se a culpa fosse dele. Dizia, em desespero, que o marido iria matá-la, e que o guarda era o culpado. Ele, passivo, disse à ela que não se preocupa-se, que o problema não era grave, pediu que ela assoprasse com bastante força lá no escapamento, que a frente do carro voltaria ao normal. Foi o que ela fez. Enquanto estava lá, roxinha de soprar, aproximou-se outra loira e perguntou o que ela estava fazendo. Após a explicação, a loira que chegou começou a rir e disse –Como você é burra, vai ficar aí assoprando a vida inteira e não vai resolver nada...os vidros do carro estão abertos.

4 comentários:

Carla disse...

Ainda bem que eu não sou loira, né?Senão... tu ia levar uns tapinhas...rs. Bjus envenenados.

Re_Ventani@ disse...

Afeeeeeeeeeeee...

Bjusssssss

Your Soul disse...

afe doisssssssssssssss a missãoooooooooo

junior disse...

Aahahahahahahaha
Como você é mau!!!
Eu adoro as loiras também.
Um ampléxo.